quarta-feira, 13 de março de 2013


A importância da troca de experiências


O que fazer ? Como agir? Para onde correr ? e agora, me ajudem..... e por aí vai... são tantas perguntas , tantas angustias , tanto para o dependente quanto para o co-dependente. Sempre em busca de respostas , do por que estar passando por essa situação , de as vezes até esquecer que não é um caso isolado e que inúmeras pessoas no mundo passam nesse exato momento pelo mesmo problema.
Quantas pessoas entram em salas de bate - papo , fóruns , blogs, sites de relacionamentos , etc...procurando respostas , buscando pessoas que possam dar uma palavra de conforto , "uma luz" , ou até um chacoalhão estilo Ana Maria Braga : "Acorda menina!"
Enfim , todos buscando uma resposta para algo que é quase sem resposta : "Por que comigo ? por que meu amigo, filho, irmão, marido ..., muito se fala sobre dependência , estudos são feitos, psicólogos, psiquiatras , médicos especialistas, todos tem algo a dizer , distúrbios, depressões, falta de amor, influência , "N" motivos, para tentar "justificar" o uso de drogas.
Na verdade , para um usuário ou um co-dependente esses motivos não importam , o que importa é como sair disso , é buscar a cura que aos olhos dos homens não existe. E muitas vezes as pessoas só enxergam as coisas com os olhos dos outros , precisam de um apoio, consolo , uma força que em algum momento perderam.
Então aí entra a tal troca de experiências. É mais fácil as pessoas acreditarem em alguém que já passou ou passa pelo que elas estão passando do que em alguém que nunca passou nem perto e só tem o conhecimento teórico do problema. As vezes 2 pessoas que vivenciam o mesmo problema em suas vidas , conversando se ajudando , se fortalecendo juntas , podem vencer bravamente tal problema. quando se trata de drogas então , é quase sempre igual , as mesmas atitudes , o mesmo comportamento .. os dependentes sentem as mesmas necessidades, os co-dependentes tem as mesmas preocupações, por isso a importância , de grupos , independente do nº de pessoas, que sejam duas , o importante é não estar sozinho , não existe estar pronto , estar preparado , hora para ajudar , NÃO! o momento é agora , trocar experiências é pra já ! quem tem tempo a perder ? As pessoas tem que se ajudar , se abraçar , orar juntas, mesmo estando longe , sendo diferentes , nesse momento onde as drogas estão dominando o mundo , é tempo de correr , tempo de crescermos e ajudarmos uns aos outros.
A importância de trocar experiências esta aí , para ser utilizada hoje, agora , da maneira que pudermos , compartilhando problemas, soluções, coisas boas ou ruins.
O importante é conseguir vencer. Juntos.